Colaboradores da Rede SAC recebem capacitação em Libras

Treinamento em Língua Brasileira de Sinais foi voltado a 20 servidores e aconteceu de 16 a 24 de abril. Foto SecomBA

Desenvolver a importância do domínio da Língua Brasileira de Sinais (Libras) para otimizar o atendimento no processo de inclusão do deficiente auditivo. Esse foi o objetivo principal do Treinamento em Libras direcionado a 20 colaboradores da Rede SAC de Salvador e Região Metropolitana (RMS). A capacitação aconteceu de 16 a 24 de abril no SAC Barra.

O curso, ministrado pela Instrutora em Libras do SineBahia, Cynira Oliveira, consiste em noções básicas sobre a língua. De acordo com Cynira, o intuito maior é auxiliar o colaborador do SAC para a comunicação com pessoas surdas. “O foco do curso é fazer com que o colaborador consiga se comunicar nas situações cotidianas, saiba recepcionar o surdo, e compreenda com convicção qual serviço ele está em busca”, disse.

Realizado pela Diretoria de Gestão da Qualidade (DGQ) da Secretaria da Administração (Saeb), em parceria com a Superintendência dos Direitos das Pessoas com Deficiência da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), o treinamento trouxe informações relevantes aos beneficiados. Para Fernanda de Abreu, o curso foi fundamental no dia a dia dos trabalhos no SAC Periperi. “Essa capacitação em Libras é imprescindível porque recebemos, diariamente, pessoas com deficiência auditiva e havia entraves na comunicação”, revelou.

A Língua Brasileira de Sinais foi estabelecida, através da Lei nº 10.436/2002, como a língua oficial das pessoas surdas. Libras é um conjunto de formas gestuais utilizado por deficientes auditivos para a comunicação entre eles e outras pessoas, sejam elas surdas ou ouvintes. Para se comunicar utilizando a Libras é preciso também conhecer as estruturas gramaticais para combinar as frases e estabelecer a comunicação de forma correta.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui