Clima de festa e harmonia marca a passagem da Tocha Olímpica por Itamaraju

alt

Depois de passar por Teixeira de Freitas, a Tocha Olímpica das Olímpiadas 2016 prosseguiu sua jornada, passando por Itamaraju, a segunda cidade da Bahia a receber o artefato. Alegria, organização e civilidade foram as marcas da passagem da Tocha por Itamaraju nesse 19 de maio. A comitiva olímpica, depois de sair de Teixeira de Freitas, chegou a Itamaraju ao meio-dia. O comboio foi recebido na Praça da Independência, na Cidade Baixa, por três alunos do Colégio Presidente Médici, alunos que foram selecionados depois de uma redação em concurso.

O caminho percorrido pela Tocha Olímpica foi de pouco mais de 2000 metros e ela foi levada, em revezamento, por 11 condutores. Um desses condutores, escolhida pela municipalidade, foi D. Glória, matrona de história rica na cidade, escolhida pelo município para ser a primeira a conduzir a Tocha. Depois da Praça da Independência, a Tocha foi conduzida à Praça do Rotary, onde foi recebida pela população, o que reuniu uma multidão no local. Da praça, o comboio foi para a antiga Feira, sendo conduzida pelo Dr. Sebastião Maia, médico e proprietário do antigo Hospital Santa Rita, pessoa reconhecida e querida pela comunidade. No local, aconteceram apresentações artísticas e culturais e fala de autoridades. A Secretária de Finanças, Lucilene Curvelo, fez uso da palavra, representando o prefeito Pedro da Campineira. Em sua fala, Lucilene frisou a importância daquele momento para Itamaraju, destacando a organização e a participação popular. O percurso por onde passou o comboio foi margeado por alunos das escolas municipais, estaduais e particulares, enquanto guardas municipais, Polícia Militar e Guarda Nacional garantiam segurança.

Houve também uma Exposição de Artesanato, montada pela Secretaria de Assistência Social. Responsável pela organização local do evento, o Secretário de Administração Marco Aurélio Teixeira, agradeceu a toda a equipe que participou e afirmou que estava orgulhoso pelo resultado. A secretária Lucilente Curvelo destacou que a cidade recebeu a Tocha com civilidade e harmonia: “isso não me é estranho, pois essa é a índole do cidadão de Itamaraju.”

Encerradas as solenidades, a caravana deixou Itamaraju, se dirigindo para Porto Seguro.

.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui