Carcará: justiça liberta prefeitos

Prefeito de Elísio Medrado é recebido por correligionários. Foto: Bahia Notícias
A juíza Rosemary Neri de Carvalho, do Tribunal Regional Federal (TRF), liberou nesta sexta-feira (12) os sete prefeitos presos pela Operação Carcará, que estavam na sede da Policia Federal, em Salvador. A decisão atendeu ao pedido de habeas corpus concedido pelo ministro Napoleão Filho, do Superior Tribunal de Justiça (STF). O primeiro a ser liberado foi o de Aratuípe, Antônio Miranda Silva Júnior (PMDB) e, logo em seguida, o de Lençóis, Marcos Airton Alves Araújo (PR). Eles começaram a sair por volta das 22h15, aplaudidos pelos familiares e sem falar com a imprensa. Os outros cinco gestores também foram liberados: o de Elísio Medrado, Everaldo Caldas (PP), o de Utinga, Joyuson Vieira dos Santos (PSDB), o de Cafarnaum, Ivanilton Oliveira Novais (PSDB), o de Santa Terezinha, Agnaldo Andrade (PTdoB), e a prefeita de Itatim, Raimunda Silva dos Santos (PSDB). O alvará de soltura foi estendido também aos outros 35 presos que estão sob as ordens da Secretaria de Justiça, no Complexo Penitenciário da Mata Escura. A expectativa dos advogados é que eles sejam liberados ainda na manhã deste sábado (13). Já o empresário Edson Santos Cruz, considerado líder do suposto esquema, que teve a prisão decretada por 30 dias, permanecerá detido.

Fonte: Bahia Notícias

 

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui