Caravelas: Mutirão de Reparo e Manutenção de Instrumentos Musicais atraiu músicos da região

O Projeto ‘Na Rota da Música’ existe desde 2012 e vem trazendo para os jovens da comunidade da Barra, em Caravelas, atividades de educação musical, além de socializar técnicas de reparo e manutenção de instrumentos musicais, o que tem contribuído muito para a conservação dos acervos de instrumentos de várias bandas na região.

O II Mutirão foi voltado para os instrumentos de Bocal. A mobilização aconteceu na sede da Flic, durante todo o sábado, 7, e atraiu quase 30 músicos desta comunidade e de outras bandas da região, como da Orquestra da Congregação Cristã, da Filarmônica Lira Santo Antônio (Flisa) e da Filarmônica Amigos da Música de Alcobaça (Fama). O grupo fez reparos em cerca de 10 instrumentos de sopro e outros instrumentos de percussão, como caixa acústica, trombones, trompetes e trombonito, trabalhando principalmente com soldas, troca de molas, confecção de eixos novos, ajuste para uma afinação melhor dos instrumentos e de.

O atual maestro da Flic e coordenador de educação musical do Projeto Rota da Música, Benedito Melgaço, conta que antes se tinha muita dificuldade para manter as bandas na região, pois os instrumentos musicais de sopro são geralmente caros e pequenos problemas já atrapalham o funcionamento, desfalcando as bandas e deixando os músicos sem outra alternativa de acesso a arte e cultura.

O Projeto Na Rota da Música é uma realização da Flic com o patrocínio do Instituto Votorantim e da Fibria e mantém uma oficina para reparo e manutenção de instrumentos musicais, além de oferecer oficinas de formação artística para jovens, suas famílias e professores. A FLIC existe de 1936 na comunidade da Barra de Caravelas, no extremo sul da Bahia.


Fonte: Ascom da prefeitura

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui