Canavieiras: Saúde inicia reuniões de planejamento 2014-17

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A Secretaria Municipal da Saúde da Prefeitura de Canavieiras criou um Grupo de Trabalho (GT) para realizar um diagnóstico na área da Saúde e elaborar o Plano Municipal da Saúde para o período 2014/17. O Grupo de Trabalho tem o prazo de até 31 de março deste ano para elaborar e apresentar o planejamento para os próximos anos.

Na abertura da primeira reunião do Grupo de Trabalho, a secretária Municipal da Saúde, Roberta Barros, enumerou as mudanças empreendidas nesta área pela equipe do Governo da Reconstrução e ressaltou que outras inovações ainda são necessárias. Para ela, além da execução dos programas federais, é preciso promover o acesso irrestrito aos serviços da saúde – o que já vem sendo feito – à população da sede e do interior.

Coordenado pela enfermeira Leila Rocha, Coordenadora de Planejamento da Pasta, na reunião desta segunda-feira (27) foram levantados todos os problemas detectados no ano passado e as soluções propostas e executadas. No mesmo encontro também foi definida a metodologia de trabalho a ser aplicada nos próximos encontros.

De acordo com Leila Rocha, serão realizadas oficinas com instituições da sociedade civil organizada, os chamados órgãos de controle social, bem como toda a clientela da Secretaria da Saúde. “É muito importante que possamos ouvir os usuários do sistema de saúde, no sentido de elaborarmos um diagnóstico real da atual situação”, admitiu.

Nos próximos dias o Grupo de Trabalho irá divulgar as datas e locais das “oficinas de trabalho”, que contarão com a participação dos técnicos da saúde, membros do Conselho da Saúde, representantes da sociedade civil organizada e da população. Após todos esses encontros será formatado o Plano Municipal da Saúde para os próximos quatro anos.

Explica a secretária Municipal da Saúde, Roberta Barros, que o planejamento realizado entrará logo em execução, embora o Plano Municipal da Saúde não represente um “engessamento” do sistema. Segundo ela, é recomendável, no mínimo, que a ano seja realizada uma avaliação e corrigidas possíveis distorções nos rumos e ampliadas ações em função da nova realidade existente.

 

 

Fonte: Ascom da prefeitura

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui