Câmara elege nova mesa diretora para o biênio 2019-2020

O presidente da Câmara de Vereadores de Guaratinga, Jadel Galvão Vaz. Fotos: OSollo

Em Sessão Extraordinária realizada na manhã de domingo, 18 de novembro, a Câmara Municipal de Guaratinga se reuniu para a Eleição da Mesa Diretora que irá conduzir os trabalhos legislativos durante o biênio 2019-2020.

Antes de iniciar a sessão, houve um começo de tumulto que foi controlado pela Polícia Militar e, após conversa com o presidente, ficou permitida a presença do público condicionada à quantidade de lugares disponíveis no auditório, para evitar manifestações.

O presidente eleito para gerir os trabalhos do biênio 2019-2020 da Câmara de Guaratinga, Marcos Pereira dos Santos

Com o intuito de  manter a ordem dos trabalhos, o comando da Polícia Militar enviou três guarnições para dar cobertura durante toda a permanência dos vereadores em plenário, de modo a garantir a segurança e a integridade física das autoridades.

A sessão transcorreu na mais absoluta tranquilidade, e o atual presidente, Jadel Vaz, conseguiu realizar todas as formalidades  e o processo de votação e eleição da nova Mesa Diretora.

Mesa composta por vereadores

Estiveram presentes os vereadores Jadel Galvão Vaz, Almerita Santos Cardoso, Aparício Cordeiro Lacerda, Misael Gregório da Silva, Simone Almeida dos Santos, Paulo da Costa, Isaias Pereira Resende, Marcone Rodrigues da Silva e Marcos Pereira dos Santos.

Atual presidente, o vereador Jadel Galvão falou sobre seus últimos meses à frente da Câmara. “Desde que assumi essa Casa, tenho prezado pelo respeito à democracia. Nessa conclusão dos meus trabalhos nessa eleição para o novo biênio, eu não medi distância para fazer as coisas se cumprirem com a legalidade. Graças a Deus, cumpri e cumprirei a minha meta até o final do ano e vou continuar como vereador colaborando. E procurando fazer de Guaratinga um lugar melhor para se viver“, disse.

O evento contou com a presença da comunidade, sob acompanhamento da Polícia Militar

Embora tenham sido protocoladas duas chapas, 1 e 2, houve uma desistência formal, e a chapa 1 ficou prejudicada, restando apenas a composição da chapa 2, que ficou assim distribuída: Marcos Pereira dos Santos – presidente; Isaías Pereira Rezende – vice-presidente; Marcone Rodrigues da Silva – 1º secretário; e Misael Gregório da Silva – 2º secretário. A eleição foi realizada com chapa única, eleita com 9 votos e 2 abstenções.

Consequentemente, a chapa que seria apoiada pela prefeita ficou prejudicada, situação que elevou os ânimos da oposição, pois a chapa vencedora apesar de ter obtido 9 votos, contou com a maioria da oposição. A situação se torna cada vez mais delicada e acende um alerta para administração atual, que a depender da situação não possui mais a apoio da Casa Legislativa em sua maioria.

Em entrevista a’OSollo, o novo presidente da Câmara eleito, vereador Marcos Pereira, agradeceu pelo empenho de todos durante a campanha de chapa. “O meu propósito aqui na Câmara de Guaratinga é moralizar e optar pela democracia. Que todos tenham direito de expor seus projetos e sua defesa. Estamos aqui para trabalhar para todos, não de forma partidarista“, ressaltou.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui