Câmara de Eunápolis autoriza reajuste salarial de 3,75% para servidores da prefeitura

Matéria foi votada na sessão desta quinta-feira (02/05) em duas sessões extraordinárias. Fotos AScom

Com 10 votos favoráveis, um contra e uma abstenção, a revisão inflacionária de 3,75% no salário dos servidores do Poder Executivo foi o destaque da sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Eunápolis na manhã desta quinta-feira (02/05). O índice é o mesmo apurado pelo IPCA de 2018.

A matéria chegou à câmara na sexta-feira, dia 26 de abril, e tramitou em regime de urgência. Para tanto, duas sessões extraordinárias foram convocadas pelo Executivo para que o reajuste fosse votado em turno único.

Quatro vereadores fizeram declaração de voto. Arthur Dapé (DEM) preferiu abster-se da votação e alegou que o Poder Executivo “embutiu no projeto 05/2019, a criação de dezenas de cargos sem justificativa plausível”. O parlamentar sugeriu que o Executivo deveria ter encaminhado dois projetos distintos. Jota Batista (PTC) votou contra e acusou o prefeito de “criar novos cargos como álibi para campanha político partidária em 2020”.

Por sua vez, Ramos Filho (PTC) e Jurandi Leite (PPS) votaram a favor do reajuste, mas com ressalvas à criação dos novos cargos. Ramos declarou que considera “injusto penalizar o conjunto dos servidores público caso deixasse de aprovar a matéria”.

OUTRAS MATÉRIAS

Na mesma sessão os vereadores aprovaram, em segunda votação, projeto de lei nº 07/2019, de autoria de Arthur Dapé, que obriga a inclusão do símbolo mundial do autismo nas placas de atendimento preferencial no município de Eunápolis.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui