Café de Teixeira de Freitas é eleito em categoria como o melhor do Brasil

Café teixeirense recebe prêmio de melhor do Brasil. Foto: Reprodução

Foi revelada, na noite da última sexta-feira (20), a lista dos melhores cafés do Brasil que participaram do concurso “Coffee of the Year 2020”.

Pela primeira vez, desde que foi criada, em 2012, a premiação foi realizada de forma virtual, como parte da programação da Semana Internacional do Café (SIC).

Ao todo, mais de 430 amostras de café de vários estados do Brasil concorreram em quatro categorias.

Gustavo Sturm, de Teixeira de Freitas, na Bahia, produziu o melhor café conilon. Foto: Reprodução

Gustavo Sturm, da Fazenda Bom Retiro, de Teixeira de Freitas, teve seu café premiado como o melhor da categoria “Canéfora” (conilon), com nota de 85,17 pontos.

Dedicado ao estudo e aprimoramento do café conilon, Gustavo é um dos idealizadores e promotores, junto à Prefeitura de Teixeira de Freitas / Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, do Prêmio Conilon de Qualidade.

A iniciativa premia os melhores produtores da região, meio que tem utilizado para unir e incentivar produtores de café da região, a qualificar as suas lavouras de canéfora (conilon).

O prêmio conquistado por Gustavo é um incentivo a mais para que os produtores de Teixeira de Freitas e região invistam em melhorias de sua produção visando oferecer cada dia mais aos consumidores um café de qualidade. Uma grande prova da importância de se manter o Prêmio Conilon de Qualidade, para que possamos em breve ter mais prêmios como o Coffee Of The Year em nossa região”, comentou o secretário de Agricultura do município, Dori Neves.

Dos 21 cafés premiados, 11 são de Minas Gerais, seis do Espírito Santo, dois de São Paulo, um de Rondônia e um da Bahia.

Criado em 2012, o Coffee of the Year tem como objetivo reunir os melhores cafés do Brasil e eleger os grandes destaques do ano, incentivando assim o desenvolvimento e aprimoramento da produção nacional e a divulgação de novas origens do café.

O concurso conta com duas fases. A primeira consiste em receber as amostras de produtores de todo o Brasil que são torradas e provadas por profissionais Q-Graders e R-Graders licenciados pelo CQI (Coffee Quality Institute).

Na segunda fase, as melhores amostras foram provadas por compradores nacionais e internacionais durante a Semana Internacional do Café (SIC), que esse ano aconteceu de forma virtual e terminou por volta de 21h30 de hoje, com a revelação dos vencedores do Coffee of the Year.

Conheça abaixo os vencedores nas quatro categorias.

CANÉFORA (CONILON)

  • 1º – Gustavo Sturm, Fazenda Bom Retiro, Teixeira de Freitas (BA)
  • 2º – Luiz Cláudio de Souza, Sítio Grãos de Ouro, Muqui (ES)
  • 3º – Sílvio Ricardo Werner, Sítio Reino das Água Claras, Lajinha (MG)
  • 4º – Giovanio Cesar Sering, Sítio Sering, Itarana (ES)
  • 5º – Sara Horst, Fazenda do Braz, Iúna (ES)

ARÁBICA

  • 1º – Denizar Dias Douro, Sítio Douro Cafés Especiais, Marechal Floriano (ES)
  • 2º – Wilians Valério, Sitio Recanto dos Tucanos, Alto Caparaó (MG)
  • 3º – Cedro Fornari, Sítio Refúgio do Cedro, Iúna (ES)
  • 4º – Greciano Lacerda, Sítio Forquilha do Rio, Espera Feliz (MG)
  • 5º – Miriam Monteiro de Aguiar, Fazenda Cachoeira, Santo Antônio do Amparo (MG)
  • 6º – Wilians Valério Júnior, Sítio Recanto dos Tucanos, Alto Caparaó (MG)
  • 7º – Aurelio Figueiredo Felizali, Fazenda Terras Altas, Ingaí (MG)
  • 8º – Beatriz Aparecida de Souza Guimarães, Quintas de Guimarães, Serra do Salitre (MG)
  • 9º – Getulio Mitsuhiro Minamihara, Fazenda Santa Maria/Café Minamihara, Cristais Paulistas (SP)
  • 10º – José Adil Braggion, Fazenda Boa Esperança, Bragança Paulista (SP)

FERMENTAÇÃO INDUZIDA CANÉFORA (CONILON)

  • 1º – Ediana Capich, Sitio Santo Antonio, Novo Horizonte do Oeste (RO)
  • 2º – Neuza Maria da Silva de Souza, Sítio Grãos de Ouro Muqui (ES)
  • 3º – Cristiano Henrique Pereira Venturim, Fazenda Bonanza Lajinha (MG)

FERMENTAÇÃO INDUZIDA ARÁBICA

  • 1º – Maria Gabriela Baracat Sanchez, Fazenda Dois Irmãos Cafés Especiais Coromandel (MG)
  • 2º – Juliana Roberta Calinçani, Fazenda Alto Siritinga, Santa Margarida (MG)
  • 3º – Andreia Mattos, Sítio Terra Branca, Alto Jequitibá (MG)

Com informações: Revista Negócio Rural e PMTF

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui