Biometria: mais de 25 mil eleitores podem perder seus títulos em Eunápolis

Em Eunápolis, o recadastramento é obrigatório. Foto Ascom PME

Mais de 25 mil eleitores de Eunápolis poderão perder seus títulos. O dado, divulgado pelo Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA)  nesta semana, refere-se aos mais de 80 mil eleitores do município que estão em fase obrigatória de recadastramento biométrico e ainda não realizaram o procedimento.

O número preocupa o TRE-BA devido à proximidade do fim do prazo – 31 de janeiro de 2018 – e alerta para os prejuízos que poderão atingir o cidadão que tiver o seu título de eleitor cancelado. Dentre eles, dificuldade para obter e/ou manter benefícios do Governo Federal como Bolsa Família; não receber aposentadoria ou pensão paga pelo Governo Federal; não realizar matrícula em instituição de ensino superior; deixar de tomar posse em cargo público; retirar e renovar passaportes; entre outras ações.

Segundo o TRE-BA, dos 51 municípios que estão passando pelo cadastramento biométrico eleitoral no estado, Eunápolis ocupa hoje o 20º lugar no ranking, com cerca de 60% do eleitorado cadastrado. Com isso, mais de 25 mil cidadãos ainda precisam informar seus dados biométricos à Justiça Eleitoral.

Os documentos necessários são: título, comprovante de residência e documento de identificação com foto. O posto de atendimento fica na Av. Alexandria, Dinah Borges (ao lado do Posto Taxista). Funcionamento de segunda a sexta-feira, das 07h às 17h.

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui