Bebê que nasceu ‘sem o cérebro’ choca os médicos após 6 anos

Os exames feitos na gestação apontavam que o bebê tinha apenas 2% do cérebro, entenda

Foto: Reprodução Youtube – Confira a impressionante história deste bebê

Quando a mãe inglesa Shelley Wall estava grávida de seu bebê Noah, os médicos tinham certeza que ele não iria sobreviver. Isto porque os exames mostravam que seu cérebro não estava se desenvolvendo.

Os exames apontavam que ele tinha apenas 2% do cérebro.

Diante deste diagnóstico, os médicos sugeriram diversas vezes a Shelley e seu marido Rob que eles fizessem um aborto. Eles alegavam que o menino nunca iria falar, andar, comer, enxergar ou ouvir.

Os pais se recusaram a abortar.

Eu acho que por termos sido pais mais velhos, nós já estávamos bem maduros e seguros do que queríamos. Acredito que se fossemos mais jovens, talvez tivéssemos cedido à pressão dos médicos porque houve muita pressão. Mas nós quisemos dar uma chance para nosso filho”, afirmou Shelley em entrevista ao programa Good Morning Britain.

Foto: Reprodução Youtube – Exame da esquerda mostram o cérebro de Noah assim que nasceu e a da direita mostra seu cérebro atualmente

Noah nasceu e após três anos, contrariando todos os diagnósticos médicos, uma nova tomografia mostrou que seu cérebro já estava com 80% do tamanho normal. Ou seja, seu cérebro deixou de ter apenas 2% tamanho normal para ter 80%.

Os pais relataram que o novo diagnóstico chocou os médicos.

No início os médicos estavam certos que meu filho não tinha cérebro. Mas após esta descoberta, eles acreditam que o que aconteceu foi que o cérebro do Noah ficou espremido em um espaço pequeno e ao receber estímulos ao longo de sua vida, esse cérebro conseguiu se desenvolver e voltar aonde deveria estar”, explicou o pai Rob ao Good Morning Britain.

Foto: Reprodução Youtube – O pequeno Noah atualmente, quando ele era bebê, os médicos acharam que ele jamais se desenvolveria tanto

Atualmente, Noah é um menino de seis anos muito feliz e capaz de realizar uma série de coisas que os médicos acreditavam serem impossíveis para ele. Seus pais buscaram diversas terapias e estímulos para o menino ao longo dos anos.

Ele consegue enxergar, ouvir, conversar e durante o programa Good Morning Britain, conversou alegremente com os apresentadores! A próxima meta de Noah é conseguir andar! “Ele é muito esperto e seu progresso é incrível! Nós o chamamos de extraordinário”, contou sua mãe.

Fonte: R7

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui