Após estuprar e matar esposa, homem é preso por estuprar enteada

Foto: Divulgação PC

Um homem que já foi preso por feminícídio em 2017, voltou para a cadeia na sexta-feira (3), suspeito de estuprar a enteada. O caso ocorreu em Arraial D’Ajuda, destino turístico do sul da Bahia que pertence à cidade de Porto Seguro. As informações são da Polícia Civil.

Conforme a polícia, Marlon Silva de Oliveira tinha um relacionamento amoroso com Eli Alves dos Santos, de 31 anos, e durante o relacionamento ele teria estuprado a jovem. A polícia não detalhou a idade da vítima.

Entretanto, Marlon já havia cometido outros crimes contra a companheira e a filha dela. De acordo com a polícia, em 2016, ele foi preso por violentar e estuprar Eli.

Já em 2017, Marlon foi solto e no mesmo ano, matou Eli Alves, na época separada dele. A mulher foi atacada a pauladas, conforme informou a polícia.

Ainda em 2017, Marlon voltou a ser preso por ter matado Eli, mas em abril de 2018, ele foi solto. A prisão do homem na sexta-feira ocorreu por conta de um mandado de prisão expedido pela juíza Michele Menezes Quadros Patricio, em decorrência da denúncia que Eli e a filha tinham feito contra ele por conta do estupro da jovem, em 2017.

A polícia informou que Marlon foi encaminhado para a delegacia e ficará à disposição da Justiça.

Fonte: G1

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui