Acabou o carnaval. E agora, José?

No carnaval, o país todo se mobiliza para curtir as comemorações momescas. Ha quem diga que o Brasil para no Natal e só volta a funcionar após o carnaval. O povo vive de ilusões, por isso, gosta de pão e circo. O maior circo que montaram no Brasil é o carnaval, consequentemente, o que possuí o maior público. Os políticos descobriram essa fonte de popularidade e vêm investindo alto para agradar o povo. Os governos dos Estados estão bancando as escolas de samba. Os prefeitos das cidades costeiras investem nos festejos carnavalescos, proporcionando festas grandiosas! Passado o momento, vamos enfrentar a dura realidade do dia a dia. E agora, como será a ressaca?

Cuidado com a soberba!

Vitórias sucessivas fazem os homens ficarem arrogantes. Mas, às vezes, nem precisa ser várias, uma é suficiente. A soberba tem levado muita gente ao fracasso na política e na vida. Para fundamentar essa afirmação, podemos citar o que ocorreu com o ex-prefeito padre Apparecido Staut. Após a segunda vitória, ele se colocou acima do bem e do mal. Aquele padre exemplar que todos conheceram antes de assumir o poder se transformou e mum homem intolerante, perseguidor e insensato. Mesmo com o poder na mão, sequer teve condição de colocar um candidato competitivo. Portanto, aviso aos navegantes: o povo coloca, o povo retira!

O projeto vai sair da gaveta?

O projeto do Plano de Desenvolvimento da Costa das Baleias – área que envolve 13 municípios e tem Teixeira de Freitas como centro geográfico – está pronto e foi apresentado no ano passado pelo Governo do Estado em parceria com as empresas de Celulose e a Associação dos Prefeitos do Extremo Sul (APES) da Bahia. O que todos querem saber, agora, é se o projeto vai continuar na gaveta. A quem compete torná-lo realidade? Estas são as perguntas que não querem calar. De projetos a Bahia está cheia, inclusive, o Pacto pela Vida, que ainda patina sem grandes resultados. Enquanto a criminalidade, cada vez mais, toma conta das nossas cidades.

Quais foram os melhores carnavais?

Nas regiões da Costa das Baleias e da Costa do Descobrimento todos os lugares estavam lotados. Parece que o Brasil inteiro e desloca para o litoral nesta época. Sem dúvidas, Porto Seguro é o campeão de público, sobretudo, agora, com a nova prefeita, que gosta e sabe fazer eventos, afinal, o seu marido, que continua a seu lado no governo, a vida toda esteve promovendo eventos, um exemplo foi a festa do Pedrão em Eunápolis, a qual ele criou e transformou num evento de repercussão nacional. Esse foi um dos motivos que deu a sua esposa, ex-deputada Cláudia Oliveira, musculatura para disputar e ganhar a Prefeitura de Porto Seguro, que estava carente de eventos expressivos para atrair um maior número de turistas.

A programação nas demais cidades

De acordo com o que fora noticiado pela imprensa, na Costa das Baleias, os destaques ficaram por conta das cidades do Prado, Alcobaça e Mucuri com mega eventos que proporcionaram recorde de público. Porém, para quem gosta de saudosismo, Caravelas foi destaque com seu carnaval bem elaborado, liderado pelo jovem e atuante prefeito Jadson Ruas, um líder que vem se destacando sobretudo pela coragem, com isso vem levantado a autoestima de seus liderados.

 

 

Comente!

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui